Bovespa abre em queda com alta dos juros na Europa

A Bolsa de Valores de São Paulo abriu em forte queda, seguindo o comportamento das principais bolsas européias e do sinal negativo também dos índices futuros das Bolsas de Nova York, onde o pregão regular começa às 10h30. O índice Ibovespa caiu quase 1% nos primeiros minutos. Às 10h10, registrava baixa de 0,88%, a 36.961 pontos, na mínima. A razão do mau humor foi a decisão inesperada do banco central inglês, que elevou em 0,25 ponto porcentual a taxa de juro básica, para 4,75% ao ano, para enfrentar a alta da inflação. A Bolsa de Londres operava em queda de 1,56% por volta das 10h10. O Banco Central Europeu também elevou os juros, de 2,75% para 3% ao ano, mas essa decisão era prevista. O presidente do BCE, Jean-Claude Trichet, alertou que o juro continuará a subir se as pressões inflacionárias se confirmarem. As declarações de Trichet deixaram os investidores mais nervosos. Embora a preocupação com o rumo da inflação e do juro na Europa esteja pressionando hoje os mercados, é o mercado norte-americano que ditará o rumo dos negócios. Amanhã será divulgado o relatório das condições do mercado de trabalho nos EUA em julho, com o número da criação de novos empregos. Esse dado é fundamental para a decisão sobre juros a ser tomada pelo banco central americano na semana que vem. Se o mercado de trabalho mostrar-se muito aquecido, é provável que o juro básico também suba nos EUA, para o nível de 5,5% ao ano (hoje está em 5,25% ao ano). Aqui na Bovespa, são as ações da Vale do Rio Doce que estão no foco. A mineradora divulgou ontem à noite lucro recorde no segundo trimestre, de R$ 3,906 bilhões, alta de 12,3% em relação ao mesmo período de 2005. As ações PNA da Vale fecharam ontem com ganho de 1,77%, já antecipando um resultado melhor do que era projetado pelos analistas, o que acabou se confirmando.

Agencia Estado,

03 de agosto de 2006 | 10h17

Tudo o que sabemos sobre:
finanças

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.