Bovespa apura saída de R$ 1,2 bi de capital externo

O clima de incerteza em relação à perspectiva de crescimento das principais economias do mundo aumentou a aversão ao risco e reduziu o apetite por investidores internacionais para o mercado de ações, fortemente influenciado pelos indicadores de atividade. Esse cenário causou a saída líquida de investimento estrangeiro na Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) durante o mês de agosto. Segundo a entidade, após oito dias de resultados negativos, houve entrada de fluxo estrangeiro no último pregão do mês, ainda que modesto, de R$ 20,264 milhões. O desempenho no dia 31 de agosto reduziu o resultado negativo do mês para R$ 1,2 bilhão. No acumulado do ano, o déficit soma R$ 2,405 bilhões.

Agencia Estado,

05 de setembro de 2006 | 09h25

Tudo o que sabemos sobre:
finanças

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.