Bovespa cede 0,17% e investidor 'fica de lado'

A Bolsa de Valores de São Paulo abriu o pregão em baixa moderada. Às 10h18, o índice Bovespa perdia 0,17%, a 45.569 pontos. O mercado de ações deve "ficar de lado" (sem grandes oscilações) até as 11 horas, quando será divulgado nos EUA o índice de confiança do consumidor. Nas Bolsas de Nova York, os investidores também aguardam o dado na defensiva. O Nasdaq futuro cedia 0,05% e o S&P 500 recuava 0,10%. Nas bolsas européias, o sinal é levemente positivo. A expectativa com o depoimento, amanhã, do presidente do banco central americano (Fed), Ben Bernanke, ao Comitê Econômico Conjunto do Congresso, também deve ajudar a manter os negócios em banho-maria hoje. O outro fio condutor do dia deve ser o petróleo no mercado internacional, que ontem atingiu os preços máximos desde o começo do ano. Hoje, os investidores ensaiam uma realização de lucros (esta manhã o petróleo está em queda em Londres e Nova York), mas sem muita firmeza, já que os 15 marinheiros britânicos capturados pelo Irã continuam presos. Nos últimos dias, tem chamado a atenções dos especialistas o giro financeiro mais fraco na Bovespa, ao redor de R$ 2,5 bilhões. Para alguns analistas, isso mostra que a Bolsa está precisando de uma notícia positiva de impacto para continuar subindo. Ontem, o Ibovespa fechou em alta de 0,25%, depois de ter passado o dia quase todo em baixa, com volume financeiro de R$ 2,694 bilhões.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.