Bovespa diminui baixa e dólar reduz alta

O mercado de ações e o de câmbio desaceleram o ritmo verificado mais cedo. Às 13h31, o Ibovespa, principal índice da Bolsa de Valores de São Paulo, caía 1,59%, aos 43.195 pontos. Em sua maior queda registrada hoje, o índice perdeu 4,23%. Os principais índices das Bolsas de Nova York também apresentaram melhora. No horário citado, o Dow Jones reduzia a baixa para 0,19% (ante 1,61% logo após a abertura dos negócios), o Nasdaq cedia 0,30% e o S&P-500 recuava 0,12%. Analistas ouvidos pela Agência Estado afirmaram que o novo recuo dos mercados acionários hoje aumentou o temor de que a correção iniciada na terça-feira tenha apenas começado. No câmbio, o dólar comercial, que chegou a valer R$ 2,142, reduzia a alta para R$ 2,126 (+0,24%). No pregão viva-voz da Bolsa de Mercadorias & Futuros (BM&F), o dólar à vista era negociado a R$ 2,124 (+0,14%), de R$ 2,144, na máxima cotação do dia verificada anteriormente.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.