Márcio Fernandes/Estadão
Márcio Fernandes/Estadão

Bovespa fecha em alta com ajuda das ações da Petrobrás e Vale

Alta da Bolsa brasileira contrariou a queda dos índices acionários em Nova York

Clarissa Mangueira, O Estado de S. Paulo

03 de março de 2015 | 18h00

A Bovespa fechou em alta, ajudada pelos ganhos das ações da Petrobrás e da Vale. O desempenho positivo da Bolsa brasileira contrariou a queda dos índices acionários em Nova York, que hoje passam por uma realização de lucros após atingirem máximas na segunda-feira.

No fim do pregão, o Ibovespa subiu 0,56%, aos 51.304,10 pontos. O volume de negócios totalizou R$ 5,348 bilhões, segundo dados preliminares. Na máxima do dia, a Bolsa atingiu 51.432 pontos (+0,81%), e na mínima, 50.995 pontos (-0,05%). No ano, o índice acumula alta de 2,59% e no mês de março, queda de 0,54%.

Na última hora do pregão, a Bolsa chegou a entrar em território negativo, afetada por uma realização de lucros e pela agenda de indicadores esvaziada. Um profissional do mercado disse que a perda de fôlego da Bovespa também refletiu a expectativa pela lista que deverá ser entregue pelo Procurador Geral da República, Rodrigo Janot, ao Supremo Tribunal Federal (STF), hoje, com os nomes dos parlamentares envolvidos na Operação Lava Jato.

No fim, a influência exercida pela alta das ações da Petrobrás e da Vale acabou prevalecendo e sustentando o Ibovespa em território positivo. Os papéis da estatal subiram 2,48% (ON) e 2,13% (PN), após a empresa anunciar uma revisão de seu plano de desinvestimentos de US$ 13,7 bilhões para o biênio 2015/2016. O plano anterior previa desinvestimentos entre US$ 5 bilhões a US$ 11 bilhões, entre 2014 e 2018.


Já a mineradora foi beneficiada pelo acordo fechado com a Silver Wheaton para vender adicionais 25% dos fluxos de ouro pagável produzidos como subproduto da mineração de cobre na mina de Salobo durante a vida útil da mina. Vale ON, +1,12%, e Vale PNA, +0,84%.

As ações da Oi lideraram as alta da Bolsa, com operadores destacando que os papéis da operadora de telefonia têm refletido expectativa de consolidação do setor. No fechamento, Oi PN subiu 6,53%.

Do lado negativo, as ações da Natura registraram a maior queda da sessão, afetadas pela notícia de que a Standard & Poor's revisou ontem a perspectiva do rating global BBB da companhia de estável para negativa. Natura ON, -4,18%.

Tudo o que sabemos sobre:
dólarbovespa

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.