Bovespa fecha em queda de mais de 2%

A bolsa paulista, que já vinha em baixa, ampliou o movimento de queda na última meia hora de pregão e encerrou a segunda-feira com forte desvalorização de 2,11%, aos 37.398 pontos, com volume financeiro de R$ 2,19 bilhões. Apenas três ações que compõem o Ibovespa subiram: Telesp, Sabesp e Eletrobrás. A alta dos juros dos títulos do Tesouro dos EUA (Treasuries), que ganhou força à tarde, teria levado os investidores a vender ações, segundo operadores. Fontes comentaram ainda que o imbróglio envolvendo o ministro da Fazenda, Antônio Palocci, tem incomodado o mercado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.