Bovespa oscila, sem rumo definido, em linha com exterior

Queda das ações da Petrobras pesa nos negócios locais, mas tenta ser compensada pelos papéis de Vale e OGX

Olívia Bulla, da Agência Estado,

14 de junho de 2013 | 11h28

A Bovespa ainda não conseguiu firmar uma direção para o pregão desta sexta-feira, 14, e oscila entre os terrenos positivo e negativo, em linha com o vaivém das Bolsas de Nova York. A queda das ações da Petrobras pesa nos negócios locais, mas tenta ser compensada pelos ganhos nos papéis de Vale e OGX.

Até as 11 horas, o Ibovespa oscilou entre uma pontuação máxima aos 50.656 pontos, em alta de 0,48%, e uma mínima aos 50.204 pontos, em queda de 0,42%. Neste horário, o índice à vista tinha leve baixa de 0,09%, aos 50.368,10 pontos. Já em Wall Street, os índices Dow Jones e S&P 500 subiam 0,15% e 0,23%, nesta ordem, com os investidores digerindo os dados econômicos norte-americanos abaixo do esperado, divulgados nesta sexta-feira, 14.

Tudo o que sabemos sobre:
BovespaPetrobras

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.