Bovespa passa a subir, puxada por Bolsas de NY

O principal índice da Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa), o Ibovespa, foi influenciado pela abertura positiva dos negócios nas bolsas norte-americanas e inverteu seu sinal - de baixa na abertura para alta superior a 1%. Às 13h01, o Ibovespa subia 1,19%, aos 42.840 pontos. O giro financeiro projetava R$ 2,63 bilhões para o encerramento do pregão. Em Nova York, o índice Dow Jones tinha ganho de 0,30%; o Nasdaq operava com valorização de 0,52%; e o S&P 500 registrava alta de 0,42%. Segundo operadores, o desempenho das bolsas norte-americanas pode estar relacionado a dois fatores. Um deles é que analistas avaliam que a queda do petróleo pode dar suporte ao consumo, o que garante lucro para as empresas. Além disso, os investidores digeriam bem os sinais de fortalecimento no mercado de trabalho no país. O Departamento do Trabalho dos EUA informou que o número de pedidos de auxílio-desemprego feitos na semana até 6 de janeiro caiu 26 mil, para 299 mil na semana até 6 de janeiro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.