Bovespa recua 0,2% e fecha em menor nível desde 29/3

O Ibovespa, principal índice da Bolsa de Valores de São Paulo, fechou a sexta-feira em leve baixa, de 0,2%, aos 37.732 pontos. Este é o menor nível desde o dia 29 de março deste ano, quando o índice encerrou em 37.491 pontos. O volume de negócios hoje foi de R$ 2,82 bilhões. O índice oscilou entre a máxima de 38.464 pontos e a mínima de 37.325 pontos. A Bolsa paulista repetiu hoje a movimentação dos últimos dias: abriu tentando emplacar recuperação e, pouco depois das 11 horas, falhou em sustentar alta. Segundo operadores, o indicador vira em função das ordens de vendas do Merrill Lynch, que trabalha na liquidação do Brazil Fund, anunciada na segunda-feira. Desde o início da semana, o Merrill operacionaliza a liquidação do Brazil Fund, definida no dia 15 de maio, disseram operadores. Trata-se de um fundo global de cotas de investimentos em mercados brasileiros, que possuía uma carteira de cerca de US$ 1 bilhão, de acordo com informações do mercado. Além disso, a queda do juro dos títulos do Tesouro dos EUA reforçou o temor de que possa estar ocorrendo uma fuga para a qualidade (com os investidores vendendo ativos de países emergentes para comprar títulos dos EUA). Por outro lado, os papéis das siderúrgicas evitaram uma queda maior do Ibovespa. Os papéis reagiram ao aumento - anunciado hoje - da oferta da Mittal pela Arcelor.

Agencia Estado,

19 de maio de 2006 | 17h23

Tudo o que sabemos sobre:
finanças

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.