Bovespa segue oscilação de NY; Vale e Petrobras caem

A Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) virou após a abertura em alta das Bolsas norte-americanas e passou a seguir o desempenho daquele mercado. Às 11h24, os índices Dow Jones e Nasdaq, que contabilizaram ganhos nos primeiros negócios, passavam para o terreno negativo. A Bovespa, por sua vez, caia 0,46%, aos 42.553 pontos. O giro financeiro no pregão paulista era de R$ 891 milhões e projetava R$ 4,40 bilhões para o final do dia. A passagem do terreno negativo para o positivo foi ancorada nas ações da Vale do Rio Doce, que abriram em queda de mais de 1%, passaram a mostrar ganhos, mas voltavam a mostrar recuo, com retração de 0,51%. Petrobras PN (preferencial), por sua vez, abriu com ganho e passava a registrar perda de 0,61%. Os destaques de alta eram as ações da Klabin (+3,85%), seguidas de Braskem (+2,27%). A queda mais acentuada era de Cesp (-3,83%) e Cyrella (-2,84%).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.