Bovespa sobe e tem a melhor semana do mês e do ano

Com ganho de 0,72%, aos 49.422 pontos, o Ibovespa tem valorização de 4,27% na semana, a 3ª consecutiva de alta

Claudia Violante, da Agência Estado,

26 de julho de 2013 | 17h53

A Bovespa teve um início de pregão oscilando entre altas e baixas, mas conseguiu firmar-se no azul à tarde. O Ibovespa acabou fechando melhor do que Wall Street, sustentado pelo arranque de mais de 10% das ações da Usiminas. CSN também subiu forte e colaborou para a Bolsa brasileira ter a melhor semana do mês e do ano.

O Ibovespa fechou a sexta-feira, 26, com ganho de 0,72%, aos 49.422,05 pontos. Na mínima, registrou 48.633 pontos (-0,88%) e, na máxima, 49.422 pontos (+0,72%). Na semana, subiu 4,27%. Foi a terceira semana consecutiva de valorização - na anterior, até então a melhor do ano, havia tido elevação de 4,10% e, antes, de 0,71%. Nestas três semanas, acumulou ganhos de 9,31%. Em julho, no entanto, a alta é menor, de 4,14%. No ano, a bolsa ainda acumula expressiva perda de 18,92%.

O giro financeiro foi mais uma vez fraco nesta sessão, totalizando R$ 5,042 bilhões, sinal de que a volta do investidor não tem sido pautada pelo entusiasmo com as condições domésticas.

Hersz Ferman, da Elite Corretora, justificou que os ganhos tiveram apoio na euforia com as ações de Usiminas e CSN. No primeiro caso, a siderúrgica anunciou uma queda de 74% em seu prejuízo no segundo trimestre em relação ao mesmo período do ano passado, para R$ 22 milhões. As perdas foram 83% menores do que a média das estimativas de sete instituições financeiras consultadas pelo Broadcast, serviço de notícias em tempo real da Agência Estado.

Usiminas PNA disparou 15,24% e liderou as altas do índice, enquanto Usiminas ON subiu 13,30% e conquistou a segunda posição.

CSN ON fechou com ganho de 8,59%, a terceira maior alta do índice, com a notícia de que não chegou a um acordo com o grupo alemão ThyssenKrupp sobre a CSA.

Petrobrás PN teve valorização de 0,65%, mas a ON recuou 0,18%. Vale PNA terminou em +0,38% e a ON ficou estável.

Por outro lado, Embraer ON caiu 5,71% e liderou as perdas do índice, depois de ter anunciado prejuízo de R$ 6,7 milhões no segundo trimestre, ante lucro de R$ 124,4 em igual período de 2012.

Em Wall Street, o Dow Jones fechou com variação positiva de 0,02%, aos 15.558,83 pontos. O S&P ganhou 0,08%, aos 1.691,65 pontos, e o Nasdaq subiu 0,22%, para 3.613,16 pontos. Na semana, os índices acumulam, respectivamente, +0,10%, -0,03% e +0,71%.

Tudo o que sabemos sobre:
Bovespa

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.