BR Properties protocola na Anbima pedido para análise de oferta de ações

A BR Properties informou hoje que apresentou à Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais (Anbima) pedido de análise prévia do registro de distribuição pública primária de ações ordinárias da companhia. Conforme o fato relevante, o aumento de capital - incluindo o número de ações a serem ofertadas - "deverá ser deliberado oportunamente pelo conselho de administração, com exclusão do direito de preferência dos atuais acionistas da companhia na subscrição das ações". A oferta será coordenada pelo Banco Itaú BBA (líder), Banco Bradesco BBI, Banco Safra e Santander (Brasil).

Agência Estado,

23 de maio de 2011 | 16h18

O preço de subscrição por ação será fixado tendo como parâmetro a cotação das ações de emissão da companhia na BM&FBovespa e a apuração do resultado do procedimento de coleta de intenções de investimento junto a investidores institucionais. "O efetivo valor da oferta será fixado de acordo com condições de mercado à época da precificação", afirma a empresa, no fato relevante.

O comunicado diz ainda que a realização da oferta estará sujeita a condições favoráveis dos mercados de capitais nacional e internacional. Demais condições da oferta serão divulgadas posteriormente.

Tudo o que sabemos sobre:
BR PropertiesaçõesAnbima

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.