Cade pode julgar hoje venda de 3 fábricas da Parmalat para Perdigão

O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) pode julgar hoje a venda de três fábricas da Parmalat Brasil - empresa que está em recuperação judicial - para a Perdigão. O negócio foi realizado em maio deste ano, após aprovação dos credores da Parmalat. A Perdigão adquiriu da empresa em recuperação a fábrica Batávia S/A Indústria de Alimentos, que produz bebidas lácteas, iogurtes e bebidas à base de soja, a Unidade de Fornos, uma planta industrial produtora de biscoitos, e a Unidade de Garanhuns, que é uma fábrica de bebidas lácteas e iogurtes.Segundo relatório da Secretaria de Acompanhamento Econômico (Seae), do Ministério da Fazenda, desde 2000, a Perdigão já utilizava a marca Batavo - licenciada pela Batávia - em alguns de seus produtos de carnes, o que para o consumidor já significa uma identificação entre os produtos vendidos pela Perdigão e a marca Batavo. A sessão do Cade está marcada começar às 14 horas.

Agencia Estado,

27 de setembro de 2006 | 12h19

Tudo o que sabemos sobre:
empresas

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.