Camex inclui 172 produtos em lista de redução de custos de importação

Concessões estão relacionadas a investimentos nos setores de geração de energia, petroquímico e metalúrgico

Sandra Manfrini, da Agência Estado,

26 de março de 2010 | 13h22

A Câmara de Comércio Exterior (Camex) aprovou duas novas resoluções que beneficiam 172 produtos com o regime de ex-tarifários. As resoluções estão publicadas no Diário Oficial da União desta sexta-feira, 26, e, em uma delas, a Camex reduz para 2% o Imposto de Importação incidente sobre quatro produtos de bens de informática e telecomunicações. Na outra resolução, a redução do imposto atinge 168 bens de capital.

 

Segundo nota divulgada nesta sexta pelo Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC), o Comitê de Análise de ex-tarifários (CAEx) da Camex informa que a concessão desses ex-tarifários está relacionada a investimentos globais de mais de US$ 608 milhões. Os setores mais beneficiados com esses investimentos serão: geração de energia, petroquímico e metalúrgico. As importações atreladas a estes ex-tarifários somam US$ 290,9 milhões.

 

O regime de ex-tarifário tem como objetivo estimular os investimentos produtivos no Brasil e, para isso, reduz custos de aquisição no exterior de bens de capital, informática e telecomunicação, desde que não haja produção nacional. O ex-tarifário consiste na redução temporária para 2% do Imposto de Importação desses bens.

Tudo o que sabemos sobre:
importaçãolistaex-tarifáriosCamex

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.