Campanha de popularização "Bovespa vai à Praia" começa dia 5

A partir do dia 5, a Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) e suas corretoras estarão presentes em pontos do litoral brasileiro com o programa de popularização do mercado de ações ?Bovespa vai à Praia?. Pela primeira vez, o roteiro contempla o Nordeste, com praias do Ceará, além de São Paulo, Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul, já incluídos nas temporadas anteriores. Na sua quinta edição, o programa chega a treze praias de cinco Estados, com a perspectiva de ultrapassar um total de mais de 100 mil pessoas atendidas, desde sua criação, em 2003. As atividades do ?Bovespa vai à Praia? em 2007 estendem-se até o dia 11 de fevereiro. Neste período, o Bovmóvel, veículo equipado com computador, vídeo e material didático, percorrerá o litoral paulista, com paradas em Praia Grande, Riviera de São Lourenço, Guarujá e Santos. Em Santa Catarina, marcará presença em Camboriú, Canasvieiras e Garopaba. No Paraná, em Guaratuba e Caiobá. No Rio Grande do Sul, em Torres e Capão da Canoa. E, no Ceará, nas praias do Futuro e de Meirelles. No Bovmóvel, os veranistas encontrarão profissionais especializados da Bovespa e das corretoras, que vão oferecer esclarecimentos sobre o funcionamento da Bolsa e do mercado de ações e mostrar como a Bolsa pode se tornar um instrumento de poupança no longo prazo por meio de clubes de investimento. Participarão das atividades 17 corretoras: Ativa, Aureum, Banrisul, Cruzeiro do Sul, Diferencial, Finabank, Geração, Geral, Isoldi, Lerosa, Omar Camargo, Pilla, Planner, São Paulo, Spinelli, SLW e Solidus. Em todas as praias, quem se cadastrar no Bovmóvel concorrerá a uma viagem a Bonito (MS). Haverá ainda distribuição de folhetos explicativos, massagens rápidas e brindes temáticos. O ?Bovespa vai à Praia? totalizou 83.651 atendimentos em suas quatro edições anteriores: 14.749 em 2003; 27.515 em 2004; 19.738 em 2005, e 21.649 em 2006. O cronograma completo do programa está disponível no endereço http://www.bovespa.com.br/SalaImprensa.htm . As informações são da Bovespa.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.