Caterpillar cai 14,52% e faz Dow Jones fechar em baixa

O alerta de queda nos lucros da Caterpillar fez as ações da empresa sofrerem a maior queda desde a "Segunda-Feira Negra" de 19 de outubro de 1987 e levou o índice Dow Jones a fechar em baixa, mitigada pelas altas das ações da 3M e da Merck. Os índices Nasdaq e Standard & Poor's-500 fecharam em leve alta. "O alerta da Caterpillar levou os investidores a repensarem o cenário de 'pouso suave' que havia ajudado as ações a subirem nas últimas semanas. Mas, no fim do dia, nós recuperamos a maior parte, se não todas as perdas, o que sugere que a tendência do mercado neste momento continua a ser de alta. Outro fator que ajudou a limitar as perdas foi a forte queda dos preços do petróleo", comentou o estrategista-chefe da Spencer Clarke, Michael Sheldon. Ações As ações da Caterpillar caíram 14,52%, o que corresponde a uma perda de US$ 6,4 bilhões em valor de mercado e a uma redução de mais de 100 pontos no índice Dow Jones. As da Merck, que também divulgou resultados, subiram 2,58% e as da 3M avançaram 2,71%. No setor de internet, as ações da Google, que havia divulgado resultados ontem depois do fechamento, subiram 7,89% Índices O índice Dow Jones fechou em queda de 9,36 pontos, ou 0,08%, em 12.002,37 pontos. A mínima foi em 11.941,94 pontos e a máxima em 12.048,87 pontos. O Nasdaq encerrou com ganho de 1,36 ponto, ou 0,06%, em 2.342,30 pontos, com mínima em 2.329,13 pontos e máxima em 2.349,36 pontos. O Standard & Poor's-500 subiu 1,64 ponto, ou 0,12%, para 1.368,60 pontos. O Nyse Composite, que reúne todas as ações negociadas na Bolsa de Valores de Nova York (Nyse), avançou 1,22 ponto, ou 0,01%, para 8.702,03 pontos. O volume negociado na Nyse ficou em 1,649 bilhão de ações, de 1,650 bilhão ontem; 1.490 ações subiram, 1.782 caíram e 183 fecharam nos mesmos níveis de ontem. No Nasdaq, o volume ficou em 1,921 bilhão de ações, de 1,974 bilhão ontem, com 1.189 ações fechando em alta e 1.844 em queda. Na semana, o Dow Jones acumulou uma alta de 0,35%, o Nasdaq, uma queda de 0,64% e o S&P-500, um ganho de 0,22%. As informações são da Dow Jones.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.