CDS da Grécia sobem em meio a volatilidade no mercado de dívida

Os swaps de default de crédito estavam em 695 pontos-base no início da tarde em comparação com o nível de fechamento de 685 pontos-base ontem

Danielle Chaves, da Agência Estado,

30 de abril de 2010 | 14h08

A volatilidade no mercado de dívida soberana europeia prossegue nesta sexta-feira, apesar dos rumores de que o pacote de socorro à Grécia provavelmente será lançado neste fim de semana. Os swaps de default de crédito (CDS) operavam a 695 pontos-base no início da tarde, de acordo com a Markit, em comparação com o nível de fechamento de 685 pontos-base ontem.

Os CDS de cinco anos da Grécia chegaram a cair para 600 pontos-base pela manhã, depois de terem subido até mais de 900 pontos-base na quarta-feira, em uma semana em que houve volatilidade sem precedentes nos mercados de dívida soberana. Os CDS de cinco anos de Portugal operavam a 295 pontos-base, de 304 pontos-base ontem e 327 pontos-base na quarta-feira.

O custo do seguro contra default da dívida emitida pelos países da zona do euro inicialmente caiu nesta sexta-feira, depois de a Grécia chegar a um acordo com o Fundo Monetário Internacional (FMI) e a União Europeia para tomar medidas de austeridade adicionais no valor de cerca de 24 bilhões de euros, como uma precondição para a assistência financeira.

Mas os mercados de dívida perderam força ao longo do dia. Apesar dos rumores de que um pacote de socorro está próximo, os participantes dos mercados permanecem alertas, já que, a não ser que um plano confiável de ajuda à Grécia seja anunciado neste fim de semana, poderá haver consequências negativas na próxima semana. As informações são da Dow Jones.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.