Cessar-fogo no Líbano faz Nikkei 225 subir 1,5%

O índice Nikkei 225, da Bolsa de Tóquio, fechou hoje em alta de 1,5%. Os investidores deram pouca importância para problemas causados por um blecaute, que interrompeu o pregão, e concentraram-se nos sinais de melhora no Oriente Médio, onde teve início um cessar-fogo nesta madrugada. ?Os investidores consideraram as notícias sobre o Oriente Médio como positivas para o desenvolvimento do mercado?, disse Mitsushige Akino, gerente-chefe de fundos do Ichiyoshi Investment Management. O cessar-fogo entre Israel e o grupo extremista libanês Hezbollah elevou as expectativas de uma melhora econômica global e das perspectivas do mercado financeiro, disse ele. No setor de eletrônicos, os papéis da Sharp subiram 2,9%; Hitachi avançou 2,2% e Kyocera encerrou o dia em alta de 2,4%. O fim dos confrontos no sul do Líbano provocaram quedas nos preços do petróleo e de commodities como borracha. As ações de empresas produtoras de pneus subiram com a queda do preço da borracha na Tokyo Commodity Exchange. Bridgestone teve aumento de 4,6%; Sumitomo Rubber subiu 3,2% e Yokohama Rubber fechou 3,5% acima do último pregão. (As informações são da Dow Jones.)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.