Sergei Karpukhin/Reuters
Sergei Karpukhin/Reuters

China oferece ajuda para Rússia superar efeitos da queda do rublo

Segundo ministro, o país tem total confiança de que o governo russo tem capacidade para superar a crise provocada pela queda forte dos preços do petróleo e pelas sanções econômicas impostas pelos EUA

Estadão Conteúdo

22 Dezembro 2014 | 14h57

O ministro das Relações Exteriores da China, Wang Yi, disse que seu país está disposto a dar ajuda à Rússia, por causa da recente queda do rublo. Ele também afirmou que a China tem total confiança de que o governo russo tem capacidade para superar a crise provocada pela queda forte dos preços do petróleo e pelas sanções econômicas impostas pelos EUA e seus aliados europeus.

"Estamos convencidos de que a Rússia tem a capacidade e a sabedoria para superar esse tipo de situação desafiadora. Nós apoiamos e ajudamos consistentemente um ao outro. Se o lado russo precisar, ofereceremos a assistência requerida, no limite de nossa capacidade", disse Wang à Phoenix Television de Hong Kong.

Em outubro, os bancos centrais da China e da Rússia assinaram um acordo de swap cambial de 150 bilhões de yuan (US$ 24,1 bilhões) por três anos. Fonte: Dow Jones Newswires.

Mais conteúdo sobre:
ChinaRússiacâmbiorubloqueda

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.