Correção: alta de juros na China afeta bolsas da Ásia

A nota encaminhada anteriormente apresenta incorreções em relação ao fechamento de alguns mercados de ações da Ásia. Na China, o índice Xangai Composto caiu 1,9%, para 2.781,40 pontos, e não como constava. Já o Shenzhen Composto recuou 2,4%, para 1.260,53 pontos. Em Taipé, a Bolsa de Taiwan fechou em alta de 0,35%, aos 8.892,31 pontos, e não como havia sido informado. Segue novamente o texto, com os devidos acréscimos e correções:

ANTONIO CAZZALI, ROBERTO CARLOS DOS SANTOS E CLARISSA MANGUEIRA, Agencia Estado

27 de dezembro de 2010 | 10h51

Os principais mercados asiáticos fecharam o dia em baixa, influenciados pela decisão da China de aumentar os juros, anunciada no último sábado. Os mercados acionários de Hong Kong, Austrália e Filipinas não abriram em razão dos feriados. As bolsas da China encerraram em terreno negativo pela quarta sessão consecutiva, conduzidas pelas ações do setor bancário devido a preocupações de que o aumento da taxa de juros do país e eventuais medidas adicionais de aperto poderão reduzir o crescimento dos empréstimos e afetar a economia real. A Bolsa de Xangai perdeu os ganhos da abertura com a realização de lucros, seguindo o movimento agitado da manhã. O índice Xangai Composto caiu 1,9%, para 2.781,40 pontos. Já o Shenzhen Composto recuou 2,4%, para 1.260,53 pontos.

O yuan caiu levemente em relação ao dólar, depois de atingir a máxima em seis semanas na sexta-feira, com a demanda pesada de fim de ano das empresas de trading pela moeda americana compensando o efeito da taxa de paridade central dólar-yuan mais baixa. No mercado interbancário, o dólar fechou cotado em 6,6308 yuans, de 6,6270 yuans do fechamento de sexta-feira. O banco de central chinês fixou a paridade central dólar-yuan em 6,6305 yuans, de 6,6371 yuans na sexta-feira.

Na Coreia do Sul, a Bolsa de Seul também encerrou o dia em baixa, com os investidores preocupados com o aumento da taxa de juros chinesa. O índice Kospi recuou 0,4%, para 2.022,19 pontos. Hyundai Motor caiu 3,4% e Kia Motors registrou baixa de 3,5%. Em Taipé, a Bolsa de Taiwan fechou em alta de 0,35%, aos 8.892,31 pontos, puxada pelos ganhos dos papéis do setor financeiro devido à expectativa de que o banco central do país elevará a taxa de juros na reunião de quinta-feira. As ações do setor tecnológico caíram, contudo, com a possibilidade de um enfraquecimento do dólar americano diante da moeda tailandesa, o que poderá reduzir os lucros do setor.

O índice SET da Bolsa de Bangcoc, na Tailândia, recuou 0,3%. O índice composto de cem blue chips da Bolsa de Kuala Lumpur, na Malásia, fechou estável. Já o índice Straits Times, da Bolsa de Cingapura, avançou 0,5%, enquanto o índice composto da Bolsa de Jacarta, na Indonésia, subiu 0,4%. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
bolsasÁsia

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.