Correção: enquanto espera dado de inflação, Bovespa cai

Esta matéria está sendo enviada novamente, pois na anterior havia uma incorreção. No segundo parágrafo havia uma informação de que o Citigroup cortou recomendação para ações da Petrobras (Brasil). Porém, o correto é que o banco reduziu recomendação aos papéis da Petrobras Argentina. Segue a integra do texto corrigida: Depois de dias de ganhos fortes, a Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) abriu hoje em baixa. Falta fôlego para continuar a subida, o que também está acontecendo com o mercado acionário norte-americano, onde o índice Dow Jones da Bolsa de Nova York vem de sucessivos recordes. Às 11h10, a Bovespa tinha desvalorização de 0,18% aos 45.873 pontos. Nesta sexta-feira, o preço do barril de petróleo e os papéis da Companhia Vale do Rio Doce poderiam, eventualmente, compensar as perdas, mas as commodities metálicas registram baixa, com exceção do estanho. E, sendo véspera da folga de carnaval no Brasil e do feriado nos Estados Unidos de segunda-feira (Dia do Presidente, aniversário de George Washington), uma postura mais defensiva é sempre esperada. Mas o rumo do dia depende ainda de indicadores norte-americanos, com destaque para a inflação ao produtor (PPI), que será divulgado às 11h30 (de Brasília). No mesmo horário, sai o número de construções de residências iniciadas em janeiro e, às 13 horas, sairá divulgado o índice de sentimento do consumidor preliminar de fevereiro (Michigan).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.