Corretora Socopa está pessimista com perspectiva para Sabesp

A Socopa Corretora reafirmou recomendação de venda para as ações da Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp), após a divulgação dos resultados da empresa em 2005. Conforme a corretora, as perspectivas para o setor de saneamento, em especial para a Sabesp, continuam desfavoráveis e podem comprometer a evolução dos negócios. A ausência de marco regulatório para o setor, o baixo nível de investimentos que gerem retorno ao acionista, as baixas possibilidades de atuação da Sabesp fora do Estado de São Paulo e a necessidade de reestruturação tarifária, que somente deve ocorrer no longo prazo, conforme a Socopa, compõem o cenário desfavorável. De acordo com a corretora, o resultado operacional divulgado pela companhia ficou em linha com as estimativas da casa e o lucro líquido, 5,5% acima do projetado. A Socopa destaca, em relatório, a redução da relação entre a dívida líquida da empresa e o potencial de geração de caixa, de 3,6 vezes em 2004, para 2,8 vezes ao final do ano passado, demonstrando melhora na capacidade de pagamento. "Contudo, a companhia possui grande parcela de sua dívida (24%) exposta à variação cambial, o que deverá trazer perdas monetárias com o cenário esperado de desvalorização do real ante o dólar em 2006", informa a corretora.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.