Crédito imobiliário soma R$ 6,7 bilhões até setembro

As operações de financiamento imobiliário com recursos da poupança, realizadas pelos agentes do Sistema Brasileiro de Poupança e Empréstimo (SBPE), somaram R$ 779,55 milhões em setembro. O volume é 100,61% superior ao registrado no mesmo período do ano passado, segundo a Associação Brasileira das Entidades de Crédito Imobiliário e Poupança (Abecip). Entre janeiro e setembro, o total de contratações alcança R$ 6,7 bilhões, com crescimento de 104,97% se comparado a igual intervalo de 2005. O resultado de setembro eleva para R$ 8,3 bilhões o volume contratado nos 12 meses compreendidos entre outubro de 2005 e setembro de 2006, contra R$ 4,2 bilhões contratados nos 12 meses anteriores a outubro de 2005. O número de unidades financiadas também apresenta crescimento significativo em relação a 2005. Foram 8.793 unidades financiadas em setembro, contra 4.199 no mesmo mês do ano passado, o que representa aumento de 109,41%. No acumulado do ano, os bancos financiaram 82.010 unidades, com expansão de 112,0%. Em 12 meses, o número de unidades financiadas atingiu 104.448, um aumento de 95,69%. As contas de poupança apresentaram desempenho positivo em setembro, quando os depósitos superaram os saques em R$ 1,82 bilhão, reduzindo as perdas do ano para R$ 4,61 bilhões. Segundo a Abecip, esse desempenho permite estimar que o SBPE fechará 2006 com resultado positivo no que diz respeito à captação de recursos, a exemplo do que ocorreu no ano passado.

Agencia Estado,

19 de outubro de 2006 | 11h47

Tudo o que sabemos sobre:
imóveis

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.