DIs intermediários e longos recuam com fala de Bernanke

DI janeiro de 2013 estava em 8,97%, ante 9,00% no ajuste, enquanto o DI janeiro de 2014 marcava 9,70%, de 9,74% na véspera

Nalu Fernandes, da Agência Estado,

20 de março de 2012 | 17h11

No mercado futuro de juros, as taxas curtas permaneceram praticamente engessadas em grande parte desta terça-feira, cedendo mais no meio da tarde. Os vértices longos e intermediários inverteram a trajetória de alta mantida em grande parte do período da manhã e renovaram mínimas, sob influência do exterior, depois das observações do presidente do Federal Reserve, Ben Bernanke, sobre o ritmo da eventual reversão das políticas adotadas nos Estados Unidos, que também influenciou os Treasuries.

Assim, ao término da negociação normal na BM&F, o DI janeiro de 2013 (189.290 contratos) estava em 8,97%, ante 9,00% no ajuste, enquanto o DI janeiro de 2014 (414.720 contratos) marcava 9,70%, de 9,74% na véspera. O DI janeiro de 2017, com giro de 50.800 contratos, apontava 10,92%, de 10,95% ontem, e o DI janeiro de 2021 (1.320 contratos) indicava a mínima de 11,40%, de 11,44%.

A agenda doméstica fraca nesta terça-feira está mantendo as taxas curtas praticamente sem movimento. Os DIs intermediários e longos chegaram a avançar, mas, no meio da tarde, mudaram de direção depois da citação de Bernanke de que "não podemos reverter as políticas de estímulo muito rapidamente". Após Bernanke, o juro da T-Note de 10 anos também cedeu do maior nível desde outubro, de 2,399% registrados nesta tarde, para 2,374% perto das 16 horas.

As declarações de Bernanke ocorrem em um dia em que o humor dos investidores no ambiente internacional teve recrudescimento em reação ao temor quanto ao ritmo da desaceleração da economia chinesa. Alertas sobre a demanda consumidora no país deprimiram as bolsas mundiais e pesaram sobre o preço do petróleo.

Tudo o que sabemos sobre:
juros futurosBernankefechamento

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.