DIS sobem com dólar e sinal de deterioração da economia

Os juros futuros mais longos avançam nesta terça-feira, 29, influenciados pelo dólar e pela piora na confiança da indústria. Já as taxas mais curtas estão perto da estabilidade.

LUCIANA ANTONELLO XAVIER, Agência Estado

29 de julho de 2014 | 09h45

O Índice de Confiança da Indústria (ICI) medido pela Fundação Getúlio Vargas (FGV) caiu 3,2% em julho ante junho, passando de 87,2 para 84,4 pontos, na sétima queda consecutiva e para o menor nível desde abril de 2009. Já o nível de utilização da capacidade da indústria (Nuci) recuou a 83,2% neste mês, alcançando o patamar mais baixo desde outubro de 2009. Logo mais, às 10h30, sai a nota do BC de política monetária e operações de crédito em junho.

Além disso, há a expectativa com a agenda mais pesada a partir de quarta-feira, 30, e as preocupações geopolíticas especialmente com a Ucrânia, que trazem cautela. Hoje, o mercado está atento à nota de crédito do Banco Central referente ao mês de junho, às 10h30, e nos EUA, o índice Case-Shiller de preços de moradias (20 cidades) de maio (10h00) e o índice de confiança do consumidor do Conference Board de julho (11h00).

Perto das 9h30, o DI para janeiro de 2017, o mais negociado, tinha taxa de 11,34%, de 11,27% no ajuste de ontem. O DI para janeiro de 2021 tinha taxa de 11,63%, de 11,57% no ajuste de ontem.

Em tempo: Um tribunal de Luxemburgo aprovou o pedido de concordata do Espírito Santo Financial Group (ESFG) e da holding Rioforte Investments. Ambas as instituições solicitaram concordata na semana passada seguindo os passos de sua principal controladora, a Espírito Santo International (ESI), diante de problemas financeiros. Há pouco, as ações do Banco Espírito Santo (BES) caíam perto de 6% na Bolsa de Lisboa.

Tudo o que sabemos sobre:
juros futurosdólarICI

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.