Djalma Morais continuará na presidência da Cemig

O secretário de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais, Wilson Brumer, informou hoje que, por determinação do governador reeleito Aécio Neves (PSDB), o atual presidente da Cemig, Djalma Bastos de Morais, continuará no cargo durante o novo mandato do governador.Brumer informou ainda que o ex-superintendente de Relações com Investidores da companhia, Luiz Fernando Rolla, assumirá a diretoria financeira, no lugar de Flávio Decat de Moura, que deixará a empresa.Conforme o secretário, ocorrerão duas mudanças na diretoria executiva da concessionária mineira. Serão criados dois cargos, um para a área Comercial, que será ocupado por Bernardo Salomão, funcionário de carreira da empresa; e outra para Desenvolvimento e Novos Negócios, que terá como principal objetivo a busca de oportunidades para o crescimento da Cemig e buscar parcerias com o setor privado. Este cargo será exercido por José Carlos Matos, ex-diretor financeiro da Companhia de Desenvolvimento de Minas Gerais. Matos também será o novo presidente da Gasmig.Segundo Brumer, uma reunião do conselho de administração deverá ser realizada amanhã para oficializar os novos nomes da diretoria e aprovar a convocação de uma assembléia de acionistas, que aprovará mudanças estatutárias visando a criação das novas diretorias.O secretário informou ainda que não há previsão de quando o governo anunciará a composição da nova diretoria da Copasa.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.