Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Dólar abre em alta de 0,28%, a R$ 2,129, no pregão da BM&F

O dólar comercial negociado no pregão viva-voz da Bolsa de Mercadorias & Futuros (BM&F) abriu hoje com alta de 0,27%, a R$ 2,129. Segundo operadores, a oscilação de preços de hoje deve repercutir os dados referentes a emprego e ao setor imobiliário norte-americano e o fluxo de recursos para o País. Analistas destacam que o período de início de mês registra, tradicionalmente, maior volume de fechamento de contratos de exportação. Além disso, lembram que investidores do Hemisfério Norte estão voltando de férias e várias captações externas devem ser desengavetadas. Paralelamente, o mercado de câmbio pode sofrer impacto da avaliação dos investidores sobre a ampliação do programa de recompra da dívida externa anunciada ontem. A partir de agora, serão incluídos os títulos com vencimento entre 2010 e 2012, o que representa que o programa será aumentado em US$ 4,8 bilhões, totalizando US$ 24,8 bilhões. O programa já permitiu a compra de US$ 5,1 bilhões em títulos com vencimento até 2010 e de US$ 6,5 bilhões de bradies. Com a decisão de ontem, o governo incluiu uma expectativa de compra de dólares a mais no mercado e talvez isso possa gerar um primeiro impacto de alta do dólar, num primeiro momento.

Agencia Estado,

05 de setembro de 2006 | 10h14

Tudo o que sabemos sobre:
finanças

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.