Dólar abre em baixa a R$ 2,0905 na BM&F

A taxa de câmbio abriu em baixa no pregão viva-voz da Bolsa de Mercadorias & Futuros (BM&F). No primeiro contrato à vista fechado no dia, o dólar foi cotado a R$ 2,0905, um recuo de 0,12% em relação ao final da sessão de ontem, quando era negociado a R$ 2,093. Em fevereiro, o dólar já acumula queda de 1,53%. Por causa do feriado prolongado de carnaval no Brasil, e feriado também nos Estados Unidos na segunda-feira, a previsão é que o maior volume negócios se concentre no período da manhã de hoje. O dado de maior destaque da agenda externa é a taxa de inflação ao produtor (PPI, na sigla em inglês) de janeiro nos EUA, que o Departamento de Trabalho divulga às 11h30 (de Brasília). Vale lembrar que ontem e na quarta-feira, os mercados operaram otimistas após avaliarem que o presidente do banco central americano, Ben Bernanke, em seus dois discursos no Congresso norte-americano, sinalizou que as taxas de juros do país devem ficar estáveis nos próximos meses, com possibilidade de queda no médio prazo (segundo semestre). Uma eventual taxa de inflação alta poderia provocar tensões no mercado e reverter esse otimismo dos últimos dias em movimentos bruscos e intensos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.