Dólar abre o dia em queda, negociado a R$ 2,089

A taxa de câmbio começou o dia em baixa no pregão da Bolsa de Mercadorias & Futuros (BM&F). No primeiro contrato à vista fechado esta manhã, às 9h20, o dólar foi cotado a R$ 2,089, o que representa uma redução de 0,38% em relação ao preço do final da quarta-feira. No cenário internacional, as bolsas européias exibem um fôlego de alta forte nesta manhã. Mas por enquanto, esse ganho representa apenas um ajuste à recuperação ocorrida ontem no mercado norte-americano de ações, depois que a Europa já havia encerrado os pregões. Hoje, os investidores vão avaliar o índice de inflação no atacado de fevereiro, que será divulgado nos EUA ainda esta manhã, para definir a trajetória do dólar. Por aqui, a expectativa é que a moeda norte-americana seja negociada perto da estabilidade, com leve tendência de queda, pelo menos até que o indicador seja revelado. E, se não houver surpresas na taxa de inflação norte-americana, esse rumo deve manter-se no restante do dia. Até o momento, prevalece a avaliação dos especialistas de que, sem notícias internacionais que causem apreensão e volatilidade dos mercados, o real seguirá sua trajetória de valorização. Hoje mesmo, o Bear Stearns soltou uma análise onde estima que o dólar pode recuar abaixo da marca de R$ 2, se o cenário externo se acalmar.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.