Dólar avança influenciado por setor imobiliário dos EUA

O dólar apreciou ante o iene influenciado pela surpresa positiva no setor imobiliário. No fim da manhã, a Associação Nacional dos Corretores de Imóveis (NAR, na sigla em inglês) publicou que o índice sazonalmente ajustado de vendas pendentes de imóveis nos EUA subiu 3,4% em março ante fevereiro. A projeção de analistas consultados pela Dow Jones Newswires era de alta de 1,0%.

AE, Agencia Estado

28 de abril de 2014 | 20h36

Esse foi o primeiro ganho do indicador em nove meses. As vendas pendentes de moradias medidas pela NAR geralmente se traduzem em vendas de moradias usadas um ou dois meses depois.

Logo após a divulgação do número, o dólar ganhou força e subiu para valor próximo à máxima intraday. A alta do dólar também seguiu o primeiro desempenho positivo nos juros dos Treasuries em quatro pregões.

No fim da tarde em Nova York, o dólar subia para 102,50 ienes, de 102,14 ienes no fim da tarde de sexta-feira. O euro tinha alta para US$ 1,3854, de US$ 1,3836, e avançava para 141,98 ienes, de 141,34 ienes.

Tudo o que sabemos sobre:
Mundocâmbio

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.