Dólar cai pelo terceiro dia seguido e fecha a R$ 1,672

Na Bolsa de Mercadorias & Futuros (BM&F), o dólar à vista caiu 0,12%, a R$ 1,6735

Márcio Rodrigues, da Agência Estado,

19 de janeiro de 2011 | 16h56

O dólar teve hoje a terceira sessão consecutiva de queda ante o real, influenciado pelos mesmos fatores que pressionam a divisa norte-americana nos últimos dias: entrada de recursos no País, como apontou o fluxo cambial divulgado hoje, e tendência global de recuo. Não obstante, o temor de novas intervenções do governo no câmbio não abandona o mercado e limita a valorização do real, segundo operadores.

O dólar comercial fechou a R$ 1,672 no mercado interbancário de câmbio, com baixa de 0,30%. A taxa mínima registrada hoje durante os negócios foi de R$ 1,667 (-0,60%). Na Bolsa de Mercadorias & Futuros (BM&F), o dólar à vista caiu 0,12%, a R$ 1,6735. O euro comercial subiu 0,58% para R$ 2,255.

O Banco Central voltou a fazer dois leilões de compra de dólares. Pouco depois do meio-dia, a autoridade monetária definiu a taxa de corte em R$ 1,6702. No segundo leilão, já na hora final do pregão, a taxa foi estipulada em R$ 1,6731.

Hoje, o BC informou que o fluxo cambial na primeira quinzena de janeiro foi positivo em US$ 5,185 bilhões. O fluxo comercial foi positivo em US$ 1,217 bilhão em janeiro, até o dia 14, enquanto o fluxo financeiro foi positivo em US$ 3,968 bilhões no período. Assim, como resultado desse fluxo positivo e sob o efeito da possível elevação da taxa Selic hoje, em 0,5 ponto porcentual, o mercado espera ainda para esta semana uma nova atuação do BC no mercado futuro, com mais um leilão de swap cambial reverso.

No exterior, o resultado positivo do leilão de bônus de Portugal volta a favorecer o euro. O governo português vendeu 750 milhões de euros em T-Bills com vencimento em 2012 no leilão realizado nesta manhã.

Câmbio turismo

Nas operações de câmbio turismo, o dólar fechou negociado a R$ 1,777 na ponta de venda e R$ 1,713 na compra. O euro turismo foi cotado a R$ 2,36 (venda) e R$ 2,263 (compra). O dólar turismo acumula queda de 1,44% no mês e o euro turismo, baixa de 0,30%.

Tudo o que sabemos sobre:
câmbiodólareurofluxo cambial

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.