Dólar comercial e na BM&F fecham em baixa a R$ 2,099

O câmbio fechou hoje com desvalorização pelo quarto dia consecutivo nos dois mercados, cotado a R$ 2,099. No pregão viva-voz da Bolsa de Mercadorias & Futuros (BM&F) o dólar à vista recuou 0,33%, enquanto no mercado interbancário o dólar comercial caiu 0,38%. A reação positiva dos negócios nos Estados Unidos aos dados de emprego norte-americano divulgados pela manhã após o fechamento de lado das bolsas asiáticas tranqüilizaram os investidores. Internamente, o fluxo cambial positivo e a forte queda do risco Brasil estimularam ainda uma nova rodada de ofertas de moeda nos mercados à vista e futuro, que determinaram o recuo dos preços. Na Ásia, a Bolsa de Hong Kong fechou com leve baixa de 0,2%. A Bolsa de Taipei, em Taiwan, encerrou praticamente estável, a -0,07%. A Bolsa de Seul, na Coréia do Sul, também encerrou quase estável, a -0,02%. Nos Estados Unidos, o Departamento do Trabalho informou que o número de vagas criadas (payroll) na economia dos EUA em fevereiro foi de 97 mil, ante expectativas de um aumento de 100 mil. Às 16h39, Risco Brasil perdia 4,57% (-9 pontos) a 188 pontos-base, após oscilar entre mínima de 188 pontos e a máxima de 197 pontos-base.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.