Dólar comercial encerra a R$ 2,22 (+0,91%)

O dólar comercial fechou na máxima de hoje, a R$ 2,22, em alta de 0,91%, após ser negociado durante todo o dia no terreno positivo. A mínima registrada, de R$ 2,206, representa cotação superior à do fechamento de ontem, de R$ 2,20. No pregão viva-voz da Bolsa de Mercadorias & Futuros, o dólar negociado à vista também encerrou valendo R$ 2,22, com ganho de 1,05%. O mercado de câmbio foi pressionado hoje pela liquidez mais fraca após o leilão de compra de dólar realizado pelo Banco Central e pela demanda das tesourarias em meio à piora das Bolsas em Nova York e da Bovespa. Os investidores reforçaram as vendas de ações na Bovespa e em Nova York em meio à disparada dos preços do petróleo, visando migrar para o mercado de juros e câmbio em busca de proteção, afirmaram operadores. Os mercados reagiram negativamente ao risco geopolítico no Oriente Médio, que agora divide as preocupações com a inflação norte-americana, a desaceleração econômica e os alertas e balanços corporativos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.