Dólar comercial sobe 2,09% na abertura e vale R$ 2,246

O dólar comercial (mercado de balcão) inicia o dia em queda de 2,09% nesta sexta-feira, cotado a R$ 2,246 na ponta de venda. O dólar à vista negociado no pregão viva-voz da Bolsa de Mercadorias & Futuros (BM&F) abriu em queda de 1,92%, a R$ 2,245. Os dados divulgados pelo Departamento do Comércio dos Estados Unidos sobre a renda pessoal dos norte-americanos ficaram praticamente em linha com as estimativas, mas o mercado de câmbio adota uma postura de cautela. Isso ocorre porque logo após a divulgação desses dados o mercado de ações dos EUA reagiu em alta inicialmente. Porém, logo em seguida, ficou volátil, influenciado ela reação dos títulos do Tesouro norte-americano que caíram com a informação de alta para acima da zona do conforto do Fed (o banco central norte-americano) do núcleo do índice de preços para gastos com consumo pessoal (PCE) em abril, em termos anualizados. O Departamento do Comércio informou que o núcleo do PCE atingiu 2,1% em termos anualizados, superando a variação de 2% de março. O Fed considera aceitáveis variações anualizadas entre 1% a 2% do núcleo do PCE.

Agencia Estado,

26 de maio de 2006 | 10h23

Tudo o que sabemos sobre:
finanças

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.