Dólar em NY cai pressionado por retorno do apetite por risco

No final da tarde em Nova York, o euro subia para US$ 1,4523, de US$ 1,4336 na terça-feira, e avançava para 119,85 ienes, de 118,40 ontem

Gustavo Nicoletta, da Agência Estado ,

20 de abril de 2011 | 18h29

O dólar caiu em relação a outras moedas, pressionado por um movimento amplo de apetite por risco que tomou conta dos mercados nesta quarta-feira. "O que estamos vendo é a migração para ativos mais arriscados e isso está acontecendo em detrimento da divisa norte-americana", disse Omer Esiner, analista-chefe de mercado da Commonwealth Foreign Exchange.

"Como a liquidez proporcionada pelo Federal Reserve permanece em meio a um ambiente de normalização monetária por parte dos principais bancos centrais, a fraqueza do dólar deve seguir sendo o tema principal do mercado até que haja algum ajuste na linguagem do Fed", acrescentou Esiner.

O euro recebeu certo suporte do fato de a Espanha ter conseguido vender com relativo sucesso papéis de sua dívida soberana, o que diminuiu parcialmente os receios com a possibilidade de o país ser o próximo da lista de nações europeias que precisam receber socorro financeiro.

No final da tarde em Nova York, o euro subia para US$ 1,4523, de US$ 1,4336 na terça-feira, e avançava para 119,85 ienes, de 118,40 ontem. O dólar recuava para 82,54 ienes, de 82,59 ienes na terça-feira, e caía para 0,8880 franco suíço, de 0,8998 franco suíço ontem. A libra subia para US$ 1,6412, de US$ 1,6313 na terça-feira. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
moedasdólareurolibra

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.