Dólar futuro sobe com cautela antes da cúpula da UE

Rolagem de contratos futuros também deve pesar na formação de preço da moeda americana na semana

Silvana Rocha, da Agência Estado,

25 de junho de 2012 | 10h05

O euro cai diante do dólar desde cedo nesta segunda-feira, enquanto que a moeda dos EUA avança também em relação a algumas divisas de países emergentes exportadores de commodities. O comportamento é reproduzido pelos contratos futuros de dólar desde a abertura. Na BM&FBovespa, o dólar que vence em 1º de julho de 2012 começou a ser negociado a R$ 2,0775, com alta de 0,39%. Até as 9h32, oscilou de uma mínima de R$ 2,0745 (+0,24%) a uma máxima de R$ 2,0810 (+0,56%).

Os agentes de câmbio buscam proteção no dólar em meio a certa descrença no resultado da reunião de cúpula da União Europeia, nesta quinta e sexta-feira. Internamente, o fator técnico de rolagem de contratos futuros também deve pesar na formação de preço da moeda norte-americana ao longo da semana.

Em Nova York, às 9h28, o euro estava em US$ 1,2497, de US$ 1,2574 no fim da tarde de sexta-feira. O dólar avançava 0,45% ante o dólar australiano; subia 0,43% diante do dólar canadense; recuava 0,18% em relação à rúpia indiana; e ganhava 0,09% ante o dólar neozelandês.

No mercado local, os bancos e investidores estrangeiros estão majoritariamente comprados no mercado à vista e em derivativos de câmbio. Isso significa que eles apostam na alta do dólar. Portanto, a subida das cotações à vista da moeda interessa a eles, já que garante o fortalecimento da taxa Ptax. Quanto mais alta fechar a Ptax na sexta-feira, maior deve ser ganho dos "comprados" nesse vencimento. Os contratos de dólar que vencem em 1º de julho de 2012 serão liquidados na próxima segunda-feira, dia 2/7, com base na taxa Ptax desta sexta-feira , dia 29 de junho.

Tudo o que sabemos sobre:
dólarfuturo

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.