Dólar tem valorização de 0,24% e encerra a R$ 2,082

A moeda norte-americana devolveu no início da tarde a queda exibida desde a abertura e renovou as cotações máximas após o leilão de compra da moeda pelo Banco Central. Tanto o dólar comercial, negociado no mercado interbancário, quanto o dólar à vista no pregão viva-voz da Bolsa de Mercadorias & Futuros (BM&F) avançaram 0,24%, para R$ 2,082. No leilão, o Banco Central aceitou todas as 12 propostas apresentadas com taxas declaradas, o que gerou expectativas sobre o volume do lote adquirido pela autoridade monetária, disseram os operadores consultados. Ontem, os operadores estimaram compras do BC de cerca de US$ 730 milhões. O dólar passou a renovar as máximas após o resultado do leilão. No topo, atingiu R$ 2,084, em alta de 0,34% em ambos os mercados. Logo antes do leilão, a moeda recuava 0,07%, a R$ 2,0755, na BM&F, e 0,05%, a R$ 2,076, no mercado interbancário.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.