Eletrobras negocia dívida com Petrobras em 85 vezes

A Eletrobras espera concluir neste mês a negociação com a Petrobras para o pagamento de R$ 1 bilhão em 85 parcelas, relativo a uma dívida total de cerca de R$ 4 bilhões pela compra de combustível para a geração de energia na região Norte do País, informou o presidente da estatal, José da Costa Carvalho Neto. A Petrobras, no entanto, contabiliza dívida em torno de R$ 7 bilhões.

FERNANDA NUNES E ANTONIO PITA, Estadão Conteúdo

18 de agosto de 2014 | 20h12

Após participar de evento de comemoração pelos dez anos de criação da Empresa de Pesquisa Energética (EPE), Costa disse que, além do R$ 1 bilhão, que deverá sair do caixa da estatal de energia, outros R$ 452 milhões serão pagos à Petrobras com o dinheiro do empréstimo que a Eletrobras fechou com a Caixa Econômica Federal e com o Banco do Brasil.

Há ainda R$ 700 milhões em dívida também relativos à compra de combustível para a geração de energia, que estão sendo arbitrados pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), cujo pagamento ainda não é certo, e R$ 1,9 bilhão que foram concedidos pelo Tesouro Nacional para que a Eletrobras quite dívida relativa à conta de consumo de combustíveis (CCC).

Tudo o que sabemos sobre:
eletrobraspetrobras

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.