Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Eletrosul cria usina solar na própria sede

A Eletrosul inaugura hoje (27) a primeira usina solar instalada em um edifício público no Brasil. Com capacidade para atender cerca de 540 residências, o projeto é também o maior do gênero na América Latina. Mais do que uma iniciativa experimental, a Usina Megawatt Solar tem caráter comercial. A energia produzida a partir de painéis solares instalados na cobertura da sede da Eletrosul, em Florianópolis, e no estacionamento da empresa, será vendida em leilão ainda neste ano, entre agosto e setembro.

ANDRÉ MAGNABOSCO, Agência Estado

27 de junho de 2014 | 08h29

?Estamos estudando várias oportunidades. Temos outros prédios e regionais, e depois desse projeto poderemos analisá-las com base na resposta que o mercado nos dará?, explica o diretor de engenharia e operação da Eletrosul, Ronaldo dos Santos Custódio, em entrevista ao Broadcast, serviço em tempo real da Agência Estado.

A Usina Megawatt Solar é formada por 4,2 mil módulos fotovoltaicos. A construção demandou investimento de R$ 9,5 milhões, proveniente de financiamento do banco de fomento alemão KfW. Com uma área de 8,3 mil m², a usina tem potência instalada de 1 megawatt-pico (MWp) e pode produzir aproximadamente 1,2 gigawatts-hora (GWh) de energia por ano.

Para se ter uma ideia, a primeira usina solar comercial do Brasil, inaugurada em 2011, no Ceará, pela antiga MPX, do empresário Eike Batista, tinha 4.680 painéis instalados numa área de 12 mil m², com capacidade de gerar 1 megawatt (MW) de energia elétrica.

A previsão da Eletrosul é comercializar no primeiro leilão, 800 MWh/ano. No fim de 2013, o governo de Pernambuco realizou o primeiro leilão específico de energia solar do Brasil, que resultou na contratação de 122,82 megawatts a um preço médio de R$ 228,63.

Como a energia é de origem renovável e os compradores poderão obter o Selo Solar, há expectativa de que os interessados (grupo no qual estariam indústrias e shoppings consumidores do mercado livre de energia) aceitem pagar um prêmio pela energia da usina.

Ainda em testes, a geração energética da Usina Megawatt Solar teve início em maio, a partir da captação de luzes solares no telhado do prédio. No domingo passado, teve início a geração a partir das placas solares instaladas no estacionamento.

Aposta

A Eletrosul, empresa controlada pela estatal Eletrobrás, ingressou no segmento de geração fotovoltaica em 2004, quando ainda não havia qualquer indício de realização de um leilão específico para essa fonte. Em 2009, a primeira planta piloto foi instalada na sede da companhia, mas ainda sem aval para a conexão do sistema à rede de energia. Esse processo foi realizado apenas em 2012, após regulação da Aneel. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Tudo o que sabemos sobre:
Eletrosulusina solar

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.