Espanha preocupa e euro cai abaixo de US$ 1,22

O euro opera em forte queda ante o dólar nesta sexta-feira, abaixo de US$ 1,22, depois de a Espanha ter reduzido suas projeções de PIB para 2013 e 2014, enquanto os ministros das Finanças da zona do euro aprovavam formalmente o plano de ajuda para o setor bancário espanhol.

SERGIO CALDAS, Agencia Estado

20 de julho de 2012 | 10h07

"Apesar da aprovação do pacote de resgate (para Madri), o euro não está apenas perdendo terreno, mas despenca em toda a parte", disse Peter Kinsella, estrategista sênior de câmbio do Commerzbank.

Além de cair quase um centavo de dólar em relação à moeda norte-americana e de operar abaixo de 96 ienes, o euro atingiu recordes de baixa em muitos anos ante a libra, os dólares da Austrália e da Nova Zelândia e a coroa sueca.

Em Madri, a bolsa caía mais de 3%, enquanto o juro pago sobre títulos federais de 10 anos da Espanha ultrapassava 7%, um nível considerado insustentável no longo prazo.

A tensão no mercado de câmbio também aumentou com a notícia de que a região espanhola de Valência vai buscar ajuda do governo federal para refinanciar sua dívida.

Entre outras moedas, o yuan caiu para o menor nível permitido em relação ao dólar em meio a preocupações com a saúde econômica da China. O dólar fechou em 6,3735 yuans, ligeiramente abaixo da máxima do dia, de 6,3743 yuans. O yuan não pode oscilar mais que 1% em relação a uma taxa de paridade estabelecida diariamente pelo Banco do Povo da China, o banco central do país.

"O mercado ainda não percebeu que a contínua fraqueza do yuan no mercado à vista nos diz algo sobre a China", disse David Pavitt, chefe de câmbio para mercados emergentes no HSBC, em Londres.

Às 9h53 (horário de Brasília), o euro recuava para US$ 1,2196, ante US$ 1,2280 no fim da tarde de quinta-feira e caía para 95,81 ienes, de 96,79 ienes na véspera, enquanto o dólar cedia para 78,56 ienes, de 78,59 ienes. A libra declinava para US$ 1,5667, de US$ 1,5724 no pregão anterior. Um novo índice do dólar, o Wall Street Journal Dollar Index, que mede a moeda norte-americana frente a uma cesta de divisas internacionais, operava a 72,20, de 71,88 na véspera. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
câmbioeurodólarEspanha

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.