Estrangeiro retirou R$ 657,4 mi da Bovespa no dia 27

No ano, o saldo estrangeiro na Bolsa está negativo em R$ 991,587 milhões

Eulina Oliveira, da , Agência Estado

29 de abril de 2010 | 14h18

A aversão global ao risco detonada pelo rebaixamento, promovido pela agência de classificação de risco Standard & Poor's, das notas soberanas de Portugal e da Grécia, levou os investidores estrangeiros a retirarem R$ 657,375 milhões da Bovespa na última terça-feira, dia 27. Foi a maior saída de capital externo da bolsa em um único pregão desde os R$ 611,868 milhões de 25 de fevereiro deste ano.

Na terça-feira, o Ibovespa fechou em queda de 3,43% - a pior desde 4 de fevereiro -, aos 66.511,10 pontos. Engordado pelas vendas dos investidores estrangeiros, o fluxo financeiro movimentou R$ 8,58 bilhões.

Em abril, até o dia 27, o saldo negativo de capital externo na Bovespa chega a R$ 788,017 milhões. As compras totalizam R$ 33,107 bilhões e as vendas, R$ 33,895 bilhões. No acumulado de 2010, o saldo estrangeiro na Bolsa está negativo em R$ 991,587 milhões.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.