Estreante Terna lidera negócios na Bolsa; ação sobe 10,5%

A Terna Participações estréia com volume forte de negócios hoje na Bolsa de Valores de São Paulo: movimentou R$ 120 milhões ou cerca de 30% dos R$ 450 milhões que a bolsa girou até as 11h30. O papel avança 10,48%, cotado a R$ 23,20. Petrobras negocia R$ 43 milhões, com alta de 0,32%. A empresa do setor elétrico captou R$ 557 milhões e fixou suas ações em R$ 21,00, no topo da faixa sugerida no período de ofertas. As informações de mercado são de que a companhia teria pedido aos coordenadores que elevassem a faixa da distribuição, mas não foi atendida. A demanda pelos papéis teria sido de 15 vezes. A precificação de Terna levou também o mercado a reavaliar os valores das ações da Transmissão Paulista (após ter avançado 8,79% ontem, CTEEP PN avança mais 3,92% esta manhã). O sucesso da oferta da Terna é reflexo do interesse do investidor estrangeiro em oferecer recursos para a infra-estrutura no Brasil. A empresa participará do próximo leilão de linhas de transmissão de energia, em novembro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.