Euro reduz alta depois do alerta da Moody’s sobre Itália

Às 16h40 (de Brasília), o euro era negociado em US$ 1,4289, ainda acima do US$ 1,4213 do fim da tarde de ontem em Nova York

Regina Cardeal, da Agência Estado,

17 de junho de 2011 | 16h47

O euro saiu da máxima do dia em relação ao dólar, mas segue em alta, depois de a agência Moody's ter anunciado que colocou a dívida do governo da Itália em revisão para possível rebaixamento. A notícia amplia os temores de que a crise da dívida soberana que atinge a periferia da Europa se espalhe para economias maiores da região.

A Itália tem classificação Aa2 da Moody's.

Às 16h40 (de Brasília), o euro era negociado em US$ 1,4289, ainda acima do US$ 1,4213 do fim da tarde de ontem em Nova York. Na máxima do dia, o euro chegou a US$ 1,4341. O euro se recuperou nesta sexta-feira, chegando a superar US$ 1,43, na expectativa de um acordo de resgate para a Grécia. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
euroGréciadólar

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.