Exportação de petróleo dos EUA atinge máxima em 57 anos

Exportação de petróleo dos EUA atinge máxima em 57 anos

O avanço acontece num momento em que o país registra aumento em sua produção, mas embarques permanecem praticamente restritos ao Canadá

Estadão Conteúdo

30 de setembro de 2014 | 13h54

As exportações de petróleo dos EUA atingiram em julho o maior patamar desde março de 1957, ao somarem 401 mil barris por dia - acima dos 306 mil barris por dia em junho e quase o quádruplo dos 104 mil barris por dia em julho de 2013 -, de acordo com dados do Departamento de Energia (DoE, na sigla em inglês) do país.

O avanço acontece num momento em que os EUA registram aumento em sua produção, enquanto seus embarques permanecem praticamente restritos ao Canadá. A crescente oferta de petróleo nos últimos meses ameaçava sobrecarregar as refinarias, levando os produtores a buscar outros clientes. O Congresso dos EUA proibiu a exportação de petróleo bruto sem licença em 1975. A maioria das licenças permite o transporte bruto para o Canadá. Fonte: Dow Jones Newswires.

Tudo o que sabemos sobre:
EUApetróleo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.