Falha em software fez Bolsa interromper pregão hoje

A BM&FBovespa divulgou nota esta noite informando que a decisão pela paralisação das operações no pregão regular de hoje no mercado acionário decorreu de uma falha em um software. Segundo a nota, o erro ocorreu em software licenciado da NYSE Euronext, utilizado para difusão de market data e envio de mensagens de confirmação de execução de ordens, causando lentidão no sistema e intermitência no envio de mensagens aos participantes. Veja a seguir, a íntegra do comunicado:

Agência Estado

24 de fevereiro de 2010 | 19h50

"Comunicado externo

Participantes dos Mercados da BM&FBOVESPA (BVMF) - Segmento Bovespa

Ref.: Funcionamento do MegaBolsa em 24/02/2010.

Informamos que, devido a problemas técnicos, a negociação no sistema MegaBolsa foi interrompida, em 24/02/2010, das 14h50 às 15h40.

Após análise, a Bolsa constatou que houve falha em software licenciado da NYSE Euronext, utilizado para difusão de market data e envio de mensagens de confirmação de execução de ordens. Tal falha gerou lentidão no sistema e intermitência no envio de mensagens aos participantes, o que fez com que a Bolsa decidisse interromper a negociação a partir das 14h50. Após a remoção do problema, a negociação foi restabelecida, com normalidade, a partir das 15h40.

Por oportuno, informamos que a causa da falha já foi completamente identificada e corrigida.

Atenciosamente,

Cícero Augusto Vieira Neto

Diretor Executivo de Operações e TI".

Tudo o que sabemos sobre:
Bolsa, pregão, suspensão, software

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.