Ford dobra vendas na China no 1º semestre e atinge 74.395 veículos

A Ford Motor Co. dobrou a venda de veículos na China no primeiro semestre na comparação com mesmo período em 2005, para 74.395 unidades, com sua linha de produtos ganhando popularidade. As vendas de veículos da marca Ford, produzidos localmente e importados, também dobraram, para 68.908 unidades no semestre. O comunicado da montadora não forneceu dados comparativos do ano passado.A taxa de crescimento nas vendas da companhia superou com folga a média do setor no semestre, de 36,2%, de acordo com dados da Associação Nacional de Carros de Passageiros. Em 2005 as vendas de automóveis da marca Ford na China subiram 46%, para 82.225 unidades, superando também a média de crescimento do setor, próxima de 14%. "O sucesso é uma boa prova do fortalecimento contínuo de nossa linha de produtos", disse em comunicado o executivo-chefe da subsidiária da Ford na China, Mei Wei Cheng.A Changan Ford Mazda Automobile Co., parceira da Ford com a subsidiária japonesa da Mazda Motor Corp. e a estatal Changan Automobile Group, vendeu 56.417 unidades no período - um montante recorde. As vendas da joint venture (parcerias) dispararam 136,6% no semestre e ficaram próximas do volume de vendas obtido em todo o ano passado (61.013 unidades).O Ford Focus, sedan lançado em setembro de 2005, foi o destaque nas vendas em suas joint ventures, acrescentou a montadora. Nos primeiros seis meses do ano foram vendidos 33.546 Ford Focus, o que representa 60% do total das vendas. Cheng disse estar "totalmente confiante" que a Changan Ford Mazda vai alcançar ou até mesmo superar o objetivo de dobrar as vendas em 2006. No ano passado, a montadora atingiu resultado recorde.Como parte dos esforços do grupo para alcançar a meta de vendas para 2006, a Changan Ford Mazda pretende expandir sua rede de vendas de 170 pontos para 200. A Ford Automotive Finance (China) Ltd., divisão local da Ford para financiamento de automóveis, também deve ampliar sua rede de serviços de 11 para 21 cidades na China.As duas maiores concorrentes da Ford também apresentaram fortes resultados na China entre janeiro e junho. As vendas da montadora alemã Volkswagen AG no país saltaram 30% no período, para 345.375 veículos (incluindo importações), enquanto a General Motors Corp. (GM), atingida pela queda brusca nas vendas em seu mercado doméstico, vendeu 453.832 carros e caminhões na China, superando em 47% o desempenho dos primeiros seis meses de 2005.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.