Funcionários da Vale no Canadá ameaçam entrar em greve

Membros do sindicato United Steelworkers (USW) ameaçam entrar em greve caso não cheguem a um acordo com a Companhia Vale do Rio Doce-Inco sobre contratos que expiram em 31 de março. Um grupo de 330 funcionários quer um novo acordo coletivo que se equipare, ao menos, ao padrão já estabelecido na indústria de níquel. O sindicato promete piquetes a partir da meia-noite de sábado caso não haja entendimento.O diretor do USW em Ontario, Wayne Fraser, disse que a companhia precisa provar que pode e tratará todos os funcionários com respeito e igualdade. "Nossos membros, funcionários técnicos e administrativos, não são cidadãos de segunda classe", afirmou. A Vale-Inco tem que entender isso". As informações são da Dow Jones.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.