Funcionários estão deixando a Varig

Cerca de 400 trabalhadores da Varig largaram o emprego para trabalhar em outras empresas, mesmo sem homologar a demissão. A informação é da presidente do Sindicato Nacional dos Aeronautas, Graziella Baggio. Segundo ela, são pessoas que estão sem salário há três meses e se cansaram dos problemas gerados pelos cancelamentos de vôos. "Muita gente já saiu e há quase mil que ainda não estão para se aposentar. No total, a empresa tem 8.500 empregados na ativa", disse Graziella.Ela comentou que é difícil estimar quantos trabalhadores serão aproveitados pela VarigLog. Na semana passada, falava-se em cerca de 8 mil dispensas. Logo após o leilão de quinta-feira, os novos donos da Varig estipularam prazo de três dias para divulgar a lista de cortes, mas isso ainda não ocorreu.Ontem, funcionários da Varig fizeram paralisação de algumas horas em protesto, segundo a Agência Nacional da Aviação Civil (Anac), mas isso "não chegou a prejudicar o atendimento dos usuários." A Anac informou ainda que a Varig está realizando todos os vôos da nova malha, apresentada anteontem. Ontem, muitos passageiros ainda enfrentavam os transtornos causados pelo cancelamento dos vôos da malha antiga. Muitos passageiros enfrentaram longas filas para encontrar lugar nos vôos de outras companhias aéreas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.