GM pode tentar outras alianças, além de Renault e Nissan

O executivo-chefe da montadora norte-americana General Motors, Rick Wagoner, afirmou que não descarta a busca por outras alianças no futuro além da atualmente em estudo com a francesa Renault e a japonesa Nissan Motor. "No momento, a maior parte de nossos esforços está voltada para a análise da oportunidade de aliança com a Renault-Nissan. Porém, na verdade não posso negar que conforme o tempo passa podemos avaliar outras oportunidades que a GM considerar que seja do interesse de nossos acionistas", disse Wagoner.Segundo ele, não foram feitas considerações sobre a configuração do conselho da GM no caso da aliança se confirmar com os parceiros franceses e japoneses. Wagoner afirmou que o acordo somente prosseguirá se o negócio acrescentar valor para seus acionistas.Em entrevista ao canal CNBC Europa, Wagoner revelou que no momento não há negociações em andamento com a Toyota Motor Corp. sobre as implicações de qualquer tipo de aliança com a Renault-Nissan. "Não estamos em discussão com a Toyota sobre esse assunto", declarou.A GM e a Toyota compartilham uma unidade de produção na Califórnia, além de outras pequenas parcerias. No final de semana a revista BusinessWeek noticiou que a Toyota poderia propor uma aliança com a GM em contraposição a da Renault-Nissan. As informações são da Dow Jones.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.