HK fecha com nível recorde após decisão do Fed

O índice Hang Seng da Bolsa de Hong Kong atingiu hoje seu maior nível dos últimos seis anos, por conta da manutenção das taxas de juros nos EUA. O índice subiu 0,6% e alcançou 17.619,97 pontos. A decisão do Fed de manter os juros, juntamente com a queda nos preços do petróleo, aumentou a expectativa de um pouso suave da economia global. Na China, a Bolsa de Xangai foi impulsionada pelas ações do setor bancário, em meio à expectativa pelo lançamento dos papéis do China Merchants Bank, marcado para amanhã. O mercado ?B?, onde são negociadas as ações em moeda estrangeira, também estimulou o pregão, pois continuam as especulações sobre sua possível fusão com o mercado ?A?. O índice Shangai Composto teve alta de 0,5% e o Shenzen Composto, de 0,4%. O yuan teve nova alta frente ao dólar. No sistema automático de preços, a moeda norte-americana fechou a 7,9231 yuans, contra 7,9258 yuans ontem. A paridade central, que é a média ponderada das cotações oferecidas pelos grandes bancos, atingiu pelo terceiro dia consecutivo o nível mais baixo desde a desvalorização do yuan, no ano passado. Um operador disse que amanhã o dólar pode testar o nível abaixo de 7,92 yuans. A Bolsa de Taipé, em Taiwan, fechou com leve alta, já que as perdas nas ações do setor de tecnologia foram mais do que compensadas pela valorização das empresas com negócios na China continental. Essas companhias foram beneficiadas pelo resultado da Bolsa de Hong Kong. O índice Taiwan Weighted avançou 0,2%. O mercado de ações da Austrália encerrou em queda, apesar de uma série de fatores positivos. O índice S&P/ASX 200 declinou 0,1%, pressionado pelas ações de bancos e do setor de matérias-primas. Os papéis da Mayne Pharma dispararam 34% após a empresa aceitar uma oferta de compra feita pelo laboratório norte-americano Hospira. A gigante varejista Coles Myer divulgou previsão de lucros nos próximos anos bem acima das estimativas do mercado e suas ações registraram alta de 2,9%. A Bolsa de Seul, na Coréia do Sul, fechou praticamente inalterada, com o índice Kospi marcando alta de apenas 0,03%. Nas Filipinas, a Bolsa de Manila se animou com a queda no preço do petróleo, a manutenção dos juros norte-americanos e o desempenho de ontem das bolsas de Nova York, entre outros fatores. O índice PSE Composto atingiu elevação de 1,8%. A Apex Mining conseguiu alta de 23% em suas ações tipo ?A?, que são negociadas apenas por investidores locais, e de 22% nas ações tipo ?B?. A mineradora prepara o início das operações da mina de ouro Masara, no sul do país. A blue chip Philippine Long Distance obteve ganho de 3,9% em suas ações. Na Malásia, o índice composto de 100 blue chips da Bolsa de Kuala Lumpur registrou alta de 0,67%. O índice Strait Times da Bolsa de Cingapura fechou em alta de 0,27% e o JSX Composto da Bolsa de Jacarta, na Indonésia, encerrou com ganho de 1,90%. (As informações são da Dow Jones)

Agencia Estado,

21 de setembro de 2006 | 06h42

Tudo o que sabemos sobre:
finanças

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.